Tecendo ideias

Feliz por nada

Geralmente, quando uma pessoa exclama Estou tão feliz!, é porque engatou um novo amor, conseguiu uma promoção, ganhou uma bolsa de estudos, perdeu os quilos que precisava ou algo do tipo.


 FELIZ POR NADA

Geralmente, quando uma pessoa exclama Estou tão feliz!, é porque engatou um novo amor, conseguiu uma promoção, ganhou uma bolsa de estudos, perdeu os quilos que precisava ou algo do tipo. Há sempre um porquê. Eu costumo torcer para que essa felicidade dure um bom tempo, mas sei que as novidades envelhecem e que não é seguro se sentir feliz apenaspor atingimento de metas. Muito melhor é ser feliz por nada.

Digamos: feliz porque maio recém começou e temos longos oito meses para fazer de 2010 um ano memorável. Feliz por estar com as dívidas pagas. Feliz porque alguém o elogiou.

Feliz porque existe uma perspectiva de viagem daqui a alguns meses. Feliz porque você não magoou ninguém hoje. Feliz porque daqui a pouco será hora de dormir e não há lugar no mundo mais acolhedor do que sua cama.

Esquece. Mesmo sendo motivos prosaicos, isso ainda é ser feliz por muito.

Feliz por nada, nada mesmo?

Talvez passe pela total despreocupação com essa busca. Essa tal de felicidade inferniza.

“Faça isso, faça aquilo”. A troco? Quem garante que todos chegam lá pelo mesmo caminho?

Particularmente, gosto de quem tem compromisso com a alegria, que procura relativizar as chatices diárias e se concentrar no que importa pra valer, e assim alivia o seu cotidiano e não atormenta o dos outros. Mas não estando alegre, é possível ser feliz também. Não estando “realizado”, também. Estando triste, felicíssimo igual. Porque felicidade é calma.


Martha Medeiros

Fonte: http://www.refletirpararefletir.com.br/4-cronicas-de-martha-medeiros


Artigos, notícias, entrevistas e poesias

A soma de todos os afetos

Ontem, num auditório lotado de educadores e pais e mães de alunos, em sua maioria do ensino fundamental, assisti a uma palestra da ótima Rosely Sayão_ psicóloga, educadora, escritora e colunista da folha de SP.

19/02/2018 - Artigo

A pessoa certa

Algumas frases se propagam sem que saibamos quem é o verdadeiro autor...

05/02/2018 - Matéria Jornalística

O papel das escolas na educação digital

Muito tem se falado sobre inclusão digital. Empresas têm investido vultosos valores em equipamentos eletrônicos e softwares e instituições de ensino estão criando salas tecnológicas, usando tablets e outros dispositivos móveis para promover conteúdos digitais que auxiliem na aprendizagem.

23/01/2018 - Artigo

Para entender o Natal e seus símbolos

Por: Rosely Sayão - Não se pode proibir a criança de acreditar em seres imaginários, entre eles o que aparece nessa data

18/12/2017 - Artigo

Rosely Sayão: os pais andam obedientes demais

Por que há tantas questões sobre como criar um filho?

11/12/2017 - Artigo

Relações Digitais: Riscos e Oportunidades

Filho, não se esqueça de colocar seu celular pra carregar?

04/12/2017 - Matéria Jornalística

Consumismo infantil, um problema de todos

Ninguém nasce consumista. O consumismo é uma ideologia, um hábito mental forjado que se tornou umas das características mais marcantes da sociedade atual.

27/11/2017 - Matéria Jornalística

A importância da Família no Desenvolvimento do Indivíduo

A família é o primeiro espaço de convivência do ser humano.

20/11/2017 - Artigo

Qual a melhor idade para as redes sociais?

Assim como cada vez mais cedo tem se dado o primeiro contato de crianças com a tecnologia, a criação de perfis em redes sociais...

13/11/2017 - Artigo

Os pais e a escola sob medida

Uma leitora enviou correspondência em que comenta as reuniões de pais nas escolas.

06/11/2017 - Artigo

Agenda Veja mais+

21  FEV Reunião de Pais do 2º ano EF

22  FEV Reunião de Pais - 3° ano EF

22  FEV Reunião de Pais do 5º ano EF

22  FEV Reunião de Pais do 7º EF

23  FEV Reunião de Pais - 4° ano EF